Notícias AMPRS

Fabiano Dallazen recebe Medalha do Mérito Farroupilha

Publicado em 09-05-2022



Na noite desta segunda-feira, 9 de maio, autoridades, familiares e membros do Ministério Público compareceram ao Teatro Dante Barone, da Assembleia Legislativa do Estado, para a solenidade de outorga da Medalha do Mérito Farroupilha ao ex-procurador-geral de Justiça Fabiano Dallazen. A homenagem foi proposta pelo deputado estadual Ernani Polo (PP). Representando a AMP/RS, estiveram presentes o presidente João Ricardo Santos Tavares, o vice-presidente Administrativo e Financeiro, André de Azevedo Coelho, e o vice-presidente de Núcleos, Fernando Andrade Alves.

Recebendo a distinção das mãos do proponente, o deputado Ernani Polo, da representante da mesa diretora da Assembleia, deputada Zilá Breitenbach, e do procurador-geral de Justiça, Marcelo Lemos Dornelles, Fabiano Dallazen agradeceu ao Ministério Público e destacou diversos momentos da sua atuação junto à instituição. “Não há dúvidas que essa homenagem se deve, mais do que tudo, ao trabalho, como profissional, como procurador de Justiça e como procurador-geral. Assim sendo, ela é uma homenagem ao Ministério Público. A essa Instituição, dediquei e tenho dedicado os melhores anos da minha vida, que são os anos da juventude, e a ela agradeço tudo aquilo que me retribuiu”, disse o promotor.

Criada em 1995, a Medalha do Mérito Farroupilha é a distinção máxima da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul e destina-se a pessoas que contribuíram para o desenvolvimento econômico, social ou cultural do estado.

Sobre Fabiano Dallazen:

Natural de Carazinho, Fabiano Dallazen se formou em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade de Passo Fundo (UPF), em 1995. É especialista em Direito Penal e Processual Penal (2002) e mestre em Direitos Fundamentais (2007) pela Ulbra. Ingressou no Ministério Público em 1998, ao ser aprovado em primeiro lugar no concurso público, atuando em Getúlio Vargas, Soledade, Passo Fundo e Porto Alegre. Concomitantemente à carreira na Instituição, Dallazen atuou como professor de Direito Processual Penal na Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP).

Na AMP/RS, integrou a gestão 2004-2006 como vice-presidente de Núcleos. Em 2015, passou a integrar a Administração Superior do Ministério Público do Estado, como subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Institucionais, cargo que exerceu até junho de 2017, quando foi empossado como procurador-geral de Justiça do Rio Grande do Sul. No ano seguinte, assumiu a função de vice-presidente para a Região Sul do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados da União (CNPG). Reconduzido ao cargo de procurador-geral de Justiça do Estado em 2019, Dallazen tomou posse como presidente do CNPG, eleito por aclamação, em abril de 2020. Atualmente, é coordenador do Escritório de Representação Institucional do MPRS em Brasília e preside o Fundo de Reconstituição de Bens Lesados do MPRS.

whatsapp_image_2022-05-09_at_20.20.10.jpeg whatsapp_image_2022-05-09_at_20.22.26.jpeg whatsapp_image_2022-05-09_at_20.19.46.jpeg whatsapp_image_2022-05-09_at_20.22.41.jpeg whatsapp_image_2022-05-09_at_20.22.13.jpeg whatsapp_image_2022-05-09_at_20.21.56.jpeg