Notícias AMPRS

Gisele Muller Monteiro é destaque no Prêmio Miguel Velasquez de Direitos Humanos 2021

Publicado em 17-12-2021



Criado em 2015, o Prêmio Miguel Velasquez de Direitos Humanos tem como objetivo homenagear membros e servidores do Ministério Público, personalidades e instituições por seus méritos e relevantes serviços prestados na defesa dos direitos humanos e proteção à infância e juventude. Em cerimônia realizada na manhã desta quinta-feira, 16 de dezembro, a honraria foi entregue à coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa dos Direitos Humanos, Gisele Muller Monteiro, e à Eliane Kives, vice-presidente Na’Amat Pioneiras Porto Alegre, entidade parceira do Ministério Público no combate ao assédio e à violência contra a mulher.

Representada pelo presidente João Ricardo Santos Tavares e pelo vice-presidente de Núcleos, Fernando Andrade Alves, a Diretoria Executiva da AMP/RS prestigiou a solenidade de entrega do reconhecimento.

Ao receber o prêmio, Gisele Monteiro ressaltou a importância de sempre se falar em direitos humanos, especialmente nesse momento difícil no Brasil em que as pessoas pouco se ouvem. “O tema direitos humanos é inclusivo, apartidário, acima de qualquer governo”, destacou a promotora.

Membro do Ministério Público desde 1999, Gisele Monteiro atuou nas comarcas de São Francisco de Assis, Torres, Portão e Guaíba. Desde então, desenvolve um trabalho fortemente voltado à área de direitos humanos e cidadania, inclusive nas Promotorias Especializadas de Porto Alegre, na área da saúde, dos idosos e da cidadania.

Como promotora de Justiça dos Direitos Humanos em Porto Alegre, Gisele foi a responsável pela assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Carrefour, após o espancamento que resultou na morte de João Alberto Silveira de Freitas nas dependências de um supermercado da rede, sendo o maior TAC assinado no que se refere aos valores envolvidos e destinados a políticas de reparação e promoção de igualdade racial no Brasil.

Por dois anos, a promotora coordenou o Núcleo Estadual da Organização e Transparência nas Listas de Espera do SUS e Aperfeiçoamento da Regulação em Saúde no âmbito do Ministério Público Estadual. Atualmente, é representante do MPRS junto ao Comitê de Saúde do Tribunal de Justiça e Grupo Nacional de Direitos Humanos.

dhmv3255.jpg