Notícias AMPRS

Evento promovido pela Assembleia Legislativa debate o futuro da educação após a pandemia

Publicado em 14-05-2021



Para discutir o impacto de mais de um ano de pandemia e as consequências do ensino à distância no aprendizado dos estudantes, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul promoveu, nesta quinta-feira, 13 de maio, o seminário “O RS pós-pandemia''. Sob o tema “A escola do futuro: como recuperar o atraso no pós-pandemia?”, o evento foi realizado no Teatro Dante Barone com transmissão ao vivo pela internet.

O vice-presidente de Núcleos da Associação do Ministério Público do Rio Grande do Sul (AMP/RS), Fernando Andrade Alves, foi convidado para falar das ações promovidas pelo Ministério Público durante a pandemia. Em sua explanação, o promotor de Justiça pontuou a dedicação e entrega com que os membros da Instituição vem atuando desde o princípio da pandemia, sendo a primeira a reabrir suas portas à população. Destacou a atuação nas áreas da saúde e da educação, que vem colaborando para a adequação às restrições impostas pela pandemia e para o retorno seguro das atividades escolares presenciais. “Além da atuação local, em todas as cidades do Estado, a especialização dos trabalhos através das Promotorias Regionais de Educação buscou minimizar os prejuízos”, enfatizou.

Fernando Andrade Alves destacou, ainda, o projeto Alquimia II, capitaneado pelo Ministério Público, no qual smartphones apreendidos em procedimentos criminais são restaurados e encaminhados para estudantes de escolas públicas, a fim de incluí-los digitalmente e evitar perdas ainda maiores no aprendizado daqueles que não possuem adequado acesso às atividades em meio virtual. “A pandemia acentuou o abismo social que existe não somente na área da educação, mas todos os membros do Ministério Público estão engajados para mitigar os efeitos no aprendizado dessas crianças e adolescentes”, evidenciou.

Com mediação do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Gabriel Souza, o evento teve como painelistas a fundadora e diretora do Centro de Excelência e Inovação e Políticas Educacionais da Fundação Getúlio Vargas, Claudia Costin, e o professor titular de Políticas Públicas da Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, André Portela de Souza.

A secretária estadual de Educação, Raquel Teixeira, o presidente do Sindicato do Ensino Privado do Rio Grande do Sul, Bruno Eizerik, e o vice-presidente do Sindicato dos Professores e Funcionários de Escolas do Estado do Rio Grande do Sul, Edson Garcia, participaram como debatedores.

O seminário integra uma série de eventos promovida pela Assembleia Legislativa em 2021 com o objetivo de ouvir especialistas, discutir “O RS pós pandemia”, buscando alternativas e propondo soluções para o futuro nas áreas da educação, das relações de trabalho, da saúde e da economia.
Confira o evento completo: