Notícias AMPRS

Aposentados são recebidos em audiência pelo procurador-geral de Justiça

Publicado em 2017-07-04



Uma audiência com o procurador-geral de Justiça, Fabiano Dallazen, reuniu aposentados, direção da AMP/RS para discutir temas pertinentes aos membros ativos e inativos da instituição. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (03/07), no gabinete do PGJ, por solicitação do vice-presidente de Aposentados da AMP/RS, Antonio Carlos Paiva Hornung.

O presidente da AMP, Sérgio Harris, aproveitou a ocasião para presentear Dallazen com um DVD de imagens da cerimônia de sua posse no cargo de procurador-geral e para entregar, em mãos, a nova edição do Jornal Réplica, que começará a ser distribuído entre os associados nos próximos dias.

dsc_0738_compactada.pngHornung foi o primeiro a falar, explicando ao procurador-geral o motivo da solicitação de agenda: “Agora que estamos aposentados, nosso vínculo com o MP é apenas administrativo, por conta da folha de pagamento. Mas sabemos que há estados em que até mesmo este vínculo está sendo rompido. Por isso, nos integramos ao movimento nacional de aposentados que trabalha para revigorar os laços entre os inativos e o Ministério Público, pois entendemos que ainda temos como contribuir para fortalecer a instituição”, disse Hornung. O vice-presidente de Aposentados também lembrou a Dallazen que outra questão que apreende os inativos é a disparidade salarial, que aumenta a distância remuneratória entre ativos e aposentados.

O procurador-geral tratou de tranquilizar o grupo. Disse que, embora a situação do Estado seja precária, a participação de todos os membros do MP nos assuntos pertinentes à instituição – inclusive dos aposentados – é fundamental. “Não podemos nos desunir. Nosso desafio é encurtar a distância salarial entre ativos e inativos. Esse é um compromisso de todos, pois somos parte do mesmo corpo e temos que promover a coesão e o fortalecimento da classe. No que depender de nossa administração, vocês tenham a convicção de que o elo será mantido e de que os reflexos das questões remuneratórias para os aposentados estão na primeira linha das nossas preocupações”, afirmou Dallazen. Ele disse, ainda, que resolver a paridade salarial interessa tanto aos ativos quanto aos inativos, pois muitos membros deixam de se aposentar para não diminuir seus proventos, o que dificulta a progressão das carreiras.

O grupo de aposentados reforçou o convite para que representantes da administração superior participem das reuniões mensais dos aposentados, que acontecem sempre na última quinta-feira de cada mês, durante o almoço, na sede campestre da AMP/RS.

Fizeram parte da comitiva recebida por Dallazen o presidente da AMP/RS, Sérgio Harris, os vices Administrativa e Financeira, Martha Beltrame, de Núcleos, João Ricardo Tavares, de Aposentados, Antonio Carlos Paiva Hornung, e os aposentados Cezar Antonio Rigoni, Paulo Neves da Fontoura, Alberto Weingartner, Rodolfo Lippel, Nilson Ubirajara da Rosa Pacheco, Paulo Weschenfelder, Sérgio Luiz Nasi e Octavio Augusto Simon de Souza. Além do procurador Geral de Justiça, os subprocuradores-gerais para Assuntos Administrativos e Institucionais, Benhur Biancon Júnior e Marcelo Lemos Dornelles, respectivamente, também participaram da reunião. 


calendário fixo
27/07
Grupo Literário
04/08
Reunião de Diretoria
13/08
Dia dos Pais
31/08
Almoço dos Aposentados
revista do MP
nº 78

Painel do Associado