Notícias AMPRS

Rio Grande do Sul conquista terceiro título da categoria Sênior

Publicado em 18-11-2018



O Rio Grande do Sul recuperou a hegemonia da categoria Sênior no Torneio Nacional de Futebol Society do Ministério Público. O título veio na disputa de tiros livres da marca do pênalti, após empate em 1 a 1 com o Ceará. Nesse momento brilhou a estrela do goleiro gaúcho Gustavo Ronchetti, que defendeu a segunda cobrança da equipe nordestina (foto abaixo). A conquista foi comemorada com grande euforia após a conversão das três cobranças dos donos da casa. O 3º lugar ficou com São Paulo, que bateu Minas Gerais por 3 a 0.


ronchetti.jpgAlegria, abraços e uma festa ruidosa deram a mostra do quanto os gaúchos queriam a vitória, que quase chegou no tempo normal. O RS largou na frente na segunda etapa, com gol do atacante Celso Antônio Três, mas sofreu o empate logo em seguida, em um chute mascado que desviou no meio do caminho, matando o goleiro gaúcho. Nos pênaltis, Wilson Luís Grezzana, Pedro Jardel da Silva Coppeti, e Eugênio Paes Amorim marcaram para garantir a principal taça da categoria.



A comemoração também abriu espaço para a confraternização e a integração com os cearenses, reafirmando o espírito de congraçamento, respeito e amizade entre os membros da classe, em seus diferentes ramos. E está aí a essência do torneio: mais do que a saudável disputa esportiva, a união e o fortalecimento do Ministério Público brasileiro.

SÃO PAULO BATE MARANHÃO NA FINAL DA MASTER
Na Master, destaque também para o goleiro paulista Luciano Ribeiro, a exemplo do que havia feito na semifinal. Ribeiro, hoje promotor de justiça, é oriundo das categorias de base do XV de Jaú. A qualidade apareceu ao defender duas cobranças da marca da cal, após empate em 0 a 0 com Maranhão, e garantiu a conquista para a Associação Paulista do MP. Os nortistas, aliás, fizeram grande campanha e deram muito trabalho no confronto. Na disputa do 3º lugar da categoria, Rio Grande do Sul aplicou impiedosos 4 a 1 em Minas Gerais.

PARANAENSES FATURAM FORÇA-LIVRE E SUPER MASTER
A Associação Paranaense do Ministério Público acabou como a grande vencedora da 17ª edição do torneio, ao faturar os títulos nas categorias Força-Livre e Super Master. Na Força-Livre, o título veio na vitória por 2 a 1 sobre São Paulo, enquanto na Super Master os paranaenses bateram Santa Catarina, pelo placar mínimo. Na disputa do 3º lugar, Maranhão fez 3 a 1 em Goiás, pela Força-Livre; e Rio de Janeiro, pelo regulamento, ficou em terceiro, já que foi eliminado na semifinal pelos campeões. O confronto contra São Paulo não aconteceu.